Plantão Policial MG

Seu site de Segurança Pública do Estado de Minas Gerais.

Rede Gerais





terça-feira, 24 de março de 2015

0 Patos de Minas - Mulher de 65 anos é presa em operação da PM que teve 500 pedras de crack apreendidas

Três pessoas foram presas, entre elas uma mulher de 65 anos que seria funcionaria de traficantes.

A Polícia Militar apreendeu uma grande quantidade de droga na manhã desta segunda-feira (23) no bairro Nossa Senhora Aparecida. Três pessoas foram presas, entre elas uma mulher de 65 anos que seria funcionaria de traficantes. Todo o material foi conduzido para a delegacia da Polícia Civil.

Os policiais militares faziam patrulhamento pela rua Prefeito Camundinho quando depararam com Alcina Maria de Magalhães entrando em uma casa, conhecida como ponto de comércio de drogas. Quando deixou o local, a mulher de 65 anos foi abordada e com ela os policiais encontraram cerca de 30 pedras de crack.

A casa na entrada do bairro Nossa Senhora Aparecida pertence a Maria Madalena Porfilho Alves, de 37 anos. No interior da residência, os policiais encontraram mais 207 pedras de crack prontas para comercialização e outras pedras maiores que depois de fracionadas e reunidas dariam aproximadamente 500 pedras de crack.

Maria Madalena foi presa em flagrante por tráfico de drogas. Também foi preso, Matheus do Amaral Gomes, de 20 anos, por associação com o tráfico. Um jovem que estava desaparecido e que é usuário de drogas, e que estava no local, também foi conduzido para a Delegacia da Polícia Civil. E outros objetos de origem duvidosa também foram apreendidos.

Joias, telefones celulares, canivetes e facas, R$ 189,00 em dinheiro e um dólar foram apreendidos. Também foram localizados mais dois tabletes de maconha, um frasco de ácido bórico e uma embalagem com alguns comprimidos suspeitos que serão encaminhados para a perícia da Polícia Civil avaliar.

Alcina Maria negou envolvimento com o tráfico. Ela disse que faz parte de uma entidade de apoio a dependentes químicos e por isso tem contato diário com os usuários de drogas. De acordo com o sargento Faria, no entanto, a mulher tem sido utilizada para levar droga aos locais de concentração de usuários de drogas. Era o que ela fazia na manhã desta segunda-feira (23) quando foi abordada.

Apelidada de vovó do tráfico, Alcina deverá ser indiciada por tráfico de drogas, assim como Maria Madalena e Matheus.

Fonte: Jornal Patos de Minas



Sobre o autor:

Site Dedicado aos profissionais de Segurança Pública
Previous Page Next Page Home

Regras Comentário: Não serão aceitos comentários que contenham palavrões, ofensas pessoais ou expressões que tenham por intuito ridicularizar outros leitores

0 comentários: