Plantão Policial MG

Seu site de Segurança Pública do Estado de Minas Gerais.

Rede Gerais





segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

0 Formiga - Família agradece Bombeiros por salvar vida da pequena Júlia

Seria apenas mais um turno de serviço, mas uma visita tornou a última quarta-feira (21) um dia especial para os integrantes do 7º Pelotão de Bombeiros, em Formiga, na região centro-oeste do estado. Júlia, uma garotinha de apenas dois anos foi socorrida por uma guarnição no início do ano e os pais quiseram agradecer aos Bombeiros por terem salvo a vida da menina.

A ocorrência foi no dia 13 de janeiro. A garotinha teve uma parada cardiorrespiratória e foi prontamente atendida pela guarnição que realizou os primeiros atendimentos, evitando, inclusive sequelas na criança. Os pais de Júlia, Luciene e Weider, resolveram demonstrar toda a gratidão e reconhecimento a mais uma atuação bem sucedida dos militares. Além do agradecimento pessoal, o casal também fez questão de tornar pública a gratidão por meio de uma rede social.

A atitude comoveu toda a equipe. O chefe de Serviço do dia da ocorrência, Sargento Augusto César Alves, não conteve a emoção: “ A visita desta família, o sorriso desta criança, me proporcionou refletir sobre o verdadeiro sentido da profissão bombeiro militar”, disse. Segundo o Sargento, o salvamento de Júlia será lembrado por toda sua carreira. 


A ocorrência
A criança chegou ao quartel desmaiada e carregada pelo pai. Desesperado, ele entregou Júlia para um dos bombeiros, que imediatamente começou a avaliação do estado da menina. Em seguida, a equipe começou a realizar procedimentos para desobstruir as vias aéreas, mas não conseguiram na primeira tentativa. 

Os militares continuaram as manobras dentro da Unidade de Resgate que levava a criança para o hospital. No meio do caminho, a criança começou a chorar. Já no hospital, a menina foi entregue à equipe médica.



Crianças
Os acidentes com crianças são frequentes nos atendimentos do Corpo de Bombeiros. Em 2014, a corporação atendeu a 4.111 ocorrências, envolvendo crianças de 0 a 11 anos, em Minas Gerais. As causas mais comuns são os acidentes de trânsito e as quedas. Para atendimento em casos como o da menina Júlia, vítima de uma obstrução respiratória, os bombeiros receberam 183 chamados.

A corporação reforça que a agilidade no atendimento pode salvar a vida da criança e diminuir as sequelas. A orientação para os pais ou responsáveis é que acionem imediatamente o Corpo de Bombeiros pelo telefone 193.

Com ass. Com. CBBMG

Sobre o autor:

Site Dedicado aos profissionais de Segurança Pública
Previous Page Next Page Home

Regras Comentário: Não serão aceitos comentários que contenham palavrões, ofensas pessoais ou expressões que tenham por intuito ridicularizar outros leitores

0 comentários: