Plantão Policial MG

Seu site de Segurança Pública do Estado de Minas Gerais.

Rede Gerais





terça-feira, 24 de junho de 2014

0 Nove são baleados em confronto de gangues rivais na Pedreira Padre Lopes

Pelo menos nove pessoas foram baleadas no fim da tarde desta segunda-feira (23), no Aglomerado Pedreira Prado Lopes (PPL).
A possível briga entre gangues é a principal suspeita da Polícia Militar (PM) para um ataque que deixou ao menos nove pessoas feridas na tarde desta segunda-feira na Pedreira Prado Lopes, na Região Noroeste de Belo Horizonte. As vítimas estavam em um bar assistindo ao jogo do Brasil contra Camarões, quando foram surpreendidas por homens armados. Os criminosos fugiram e ainda não foram encontrados. Dos feridos, sete tinham envolvimento com crimes.  

 
Ainda de acordo com a PM, dois dos autores dos disparos estavam com uma pistola cada um e um terceiro estava com uma submetralhadora. Esse último estaria em um Fiat Palio de cor prata no momento do confronto. 
 
Ao todo, nove pessoas foram atingidas. Todas foram levadas em viaturas da PM e em carros particulares para o Hosptial Odilon Behrens. Quatro vítimas, que estavam em situação mais grave, foram transferidas para o Hosptial João XXIII.

 

As vítimas foram identificadas como: Welbert Denis dos Reis Moreira, de 27 anos, Wellington Bispo dos Santos, 47, Edson Júlio Rodrigues de Almeida, 19 , Erik Augusto Afonso Araújo, 22, todos estão no Hospital João XXIII. No Odilon Behrens estão. Luiz Augusto Alves, Carlos Fernando de Souza, Felipe Eduardo Souza Santos, Mateus Felipe dos Santos e Wanderlei Ferreira dos Santos. “Dois dos feridos são inocentes, não tinham nenhuma ligação com o crime. Os outros sete são traficantes e têm diversas passagens pela polícia”, afirma o tenente  Alexandre Garcia Teixeira, comandante do Grupo Especializado em Patrulhamento em Área de Risco (Gepar) da região.

A briga entre as gangues seriam por rixas pequenas, como brigas por mulheres e ostentação. Para evitar novos confrontos, o policiamento foi reforçado na Região da Pedreira Prado Lopes. “Vamos fazer ocupações estratégicas e vamos aumentar o policiamento na região”, explica o tenente.

A PM já tem suspeitos para o ataque, mas pede a ajuda da população para tentar encontrá-los. “Quem tiver alguma informação dos autores do crime, pode fazer uma denúncia anônima pelo 181 para ajudar retirar das ruas essas pessoas que não têm condições de viver em sociedade”, disse. 
Com informações de agencias

Sobre o autor:

Site Dedicado aos profissionais de Segurança Pública
Previous Page Next Page Home

Regras Comentário: Não serão aceitos comentários que contenham palavrões, ofensas pessoais ou expressões que tenham por intuito ridicularizar outros leitores

0 comentários: