Plantão Policial MG

Seu site de Segurança Pública do Estado de Minas Gerais.

Rede Gerais





segunda-feira, 9 de junho de 2014

0 “Espírito de Corpo” e Cidadania nos 239 anos da PMMG




Em 2014 estamos comemorando 239 anos da Gloriosa Polícia Militar de Minas Gerais. Desde sua origem a PMMG tem protegido os mineiros e defendido os interesses da sociedade mineira. 

Entretanto, por um longo período aqueles que defendiam os direitos e cidadania dos mineiros não gozavam dos mesmos direitos e proteção. 

Em 1988 a Constituição Cidadã estabeleceu o Estado Democrático de Direito em que todos, homens e mulheres, tivessem seus direitos e cidadania reconhecidos. 

Entretanto, a subcultura e tradição militar mineira impediam que esses direitos chegassem ao policial militar mineiro. Não havia liberdade de expressão, de ir e vir, da presunção de inocência e principalmente de manifestação e reunião.

A negligência aos direitos humanos básicos dos policiais mineiros fez eclodir em 1997 o Movimento Reivindicatório dos Praças da Polícia Militar de Minas Gerais. Foram dias de luta, de aflições e incertezas. A quebra de paradigma não só estabeleceria uma nova relação entre oficiais e praças, mas principalmente na construção de uma nova perspectiva do “espírito de corpo” até então apregoada na caserna.

Se antes, o “espírito de corpo” inspirado no sentimento de camaradagem fundamentava uma instituição corporativista e protecionista de privilégios; hoje esse sentimento se amplia e se estabelece em direitos comuns de liberdade, de cidadania e comunitarismo. 


Não há espaço para o antagonismo entre oficiais e praças, a instituição Polícia Militar é uma só. Não lutamos contra a sociedade e povo mineiro; afinal fazemos parte dele.


A nossa luta é contra a criminalidade e contra a bandidagem. É contra aqueles que usam o Estado para manter seus privilégios. É contra todos que querem retirar de cada um de nós o direito à liberdade e cidadania plena. 

Se por um longo tempo lutamos contra os Direitos Humanos achando que era e são contra nós; chegou a hora de mudar nossas atitudes, tradições e subcultura. Lutar contra os Direitos Humanos é lutar contra si mesmo e contra a própria cidadania.

Portanto, nestes 239 anos da PMMG aproveite a história recente e se torne um cidadão policial militar. Não se abstenha das discussões sociais e políticas da instituição; não se omita das discussões políticas estaduais e federais. A mudança num Estado Democrático de Direito inicia-se através do voto e de uma boa representação política no legislativo. Em 2014 use seu voto de forma consciente!


Raul Nogueira - Policial Militar - Graduado em História e Especialista em Políticas Públicas (UFMG). Professor do Ensino Superior EFSd / PMMG e do Ensino Fundamental na Escola Particular Maria Clara Machado/Ribeirão das Neves. E emocionalmente um Poeta."   Email: nogstory@hotmail.com 

 * Os artigos assinados pelos colunistas são de inteira responsabilidade dos autores e não reflete, necessariamente, a opinião do jornal. O Plantão Policial MG, democraticamente, abre esse espaço para que os colunistas tenham total liberdade para exporem suas opiniões nos textos sem nenhum tipo de censura. Os textos são pessoais e cada colunista escolhe o assunto que achar interessante, sendo responsável por eles. 



Sobre o autor:

Site Dedicado aos profissionais de Segurança Pública
Previous Page Next Page Home

Regras Comentário: Não serão aceitos comentários que contenham palavrões, ofensas pessoais ou expressões que tenham por intuito ridicularizar outros leitores

0 comentários: