Plantão Policial MG

Seu site de Segurança Pública do Estado de Minas Gerais.

Rede Gerais





segunda-feira, 10 de março de 2014

0 Riachinho - PM prende suspeito de integrar quadrilha que assaltou bancos

A Polícia Militar (PM) prendeu nesta segunda-feira um suspeito de envolvimento nos assaltos ao Banco do Brasil e o Sicoob em Riachinho, Região Noroeste de Minas, na semana passada. Com ele foram encontrados mais de R$ 60 mil. Outros dois homens foram detidos porque estariam na região para dar fuga aos criminosos.

Segundo o 28º Batalhão a Polícia Militar de Unaí, que atende a região, na noite de domingo, a PM localizou carregadores de uma pistola e algumas cédulas de dinheiro embaixo de uma ponte do Córrego do Amendoim. Os policiais continuaram as buscas e, mais tarde, uma viatura descaracterizada que passava por uma estrada vicinal foi confundida por um dos assaltantes. Ele correu para o veículo pensando que seriam outros comparsas responsáveis por resgatá-los. Ao perceber o engano, ele tentou correr para o mato novamente, mas foi preso.

O nome do suspeito ainda não foi divulgado pela polícia. Com ele, foi localizada uma pistola 9 milímetros e um revólver 38 carregados, uma capa de colete à prova de balas e uma bolsa contendo R$ 65 mil em dinheiro. Também fora detidos dois homens que teriam ido ao local para buscar os assaltantes. De acordo com a PM local, há informações de que os outros sete criminosos estão escondidos na mata, que continua sob cerco.

Os criminosos estão sendo procurados desde a última sexta-feira. Os assaltos aconteceram pela manhã, quando pelo menos oito homens em dois carros chegaram na cidade atirando e invadiram as agências bancárias. Usando luvas e toucas, eles renderam o gerente do Sicoob e o obrigaram a entregar R$ 150 mil. Eles fizeram cinco pessoas reféns e as libertaram na saída da cidade.

Além dos dois carros, eles roubaram uma caminhonete de uma das vítimas para usar na fuga. Os veículos foram incendiados em uma estrada de terra e a polícia suspeitou que os homens estivessem escondidos em uma mata a seis quilômetros da cidade, onde as buscas se concentram até agora.  

Matéria do Jornal Estado de Minas

Sobre o autor:

Site Dedicado aos profissionais de Segurança Pública
Previous Page Next Page Home

Regras Comentário: Não serão aceitos comentários que contenham palavrões, ofensas pessoais ou expressões que tenham por intuito ridicularizar outros leitores

0 comentários: