Plantão Policial MG

Seu site de Segurança Pública do Estado de Minas Gerais.

Rede Gerais





terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

0 Implantação de delegacia eletrônica será discutida na ALMG


A Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) vai debater, em audiência pública, a implantação de delegacia eletrônica no Estado, destinada a realizar boletins de ocorrência online, como roubo de documentos, sem a necessidade do cidadão ir a um posto físico. O requerimento, de autoria da deputada Luzia Ferreira (PPS), foi aprovado na reunião desta terça-feira (4/2/14).

Também foi aprovado requerimento dos deputados presentes na reunião – Cabo Júlio (PMDB), Lafayette de Andrada (PSDB), Duarte Bechir (PSD) e João Leite (PSDB) – para realizar uma reunião na sede da Secretaria de Defesa Social com o objetivo de conhecer as medidas de segurança em Minas Gerais durante a Copa do Mundo, bem como a situação do plantão regionalizado da Polícia Civil.

Outros dois requerimentos de realização de audiências públicas,de autoria dos membros da comissão, também foram aprovados. Um para debater medidas de combate ao tráfico de pessoas, especialmente durante a Copa, e outro para discutir as medidas de segurança e seu cumprimento no Estado de Minas Gerais.

Assalto – A comissão aprovou ainda requerimento dos deputados presentes para visitar uma drogaria do bairro Sion, na Capital, que foi assaltada na noite da última segunda-feira (3), quando uma pessoa foi baleada.

Ao final da reunião, o deputado Duarte Bechir comunicou que a comissão fará audiência pública no dia 24 de fevereiro, em Medina (Jequitinhonha), para debater o assassinato de uma garota de nove anos, no último dia 26 de janeiro. Segundo Bechir, o objetivo da reunião é discutir a segurança pública e buscar caminhos para dar mais tranquilidade à população da cidade.

Plantão com Agencia ALMG

Sobre o autor:

Site Dedicado aos profissionais de Segurança Pública
Previous Page Next Page Home

Regras Comentário: Não serão aceitos comentários que contenham palavrões, ofensas pessoais ou expressões que tenham por intuito ridicularizar outros leitores

0 comentários: